Ouça agora este podcast!“010 – 3 Dicas Para Ter Mais Iniciativa E Conquistar A Sua Aprovação”

Tomar a decisão de estudar para concurso é o primeiro passo óbvio para conquistar a sua aprovação.

Porém, se o próximo passo não for dado, ou seja se você não entrar em campo, de nada adiantará ser uma pessoa decidida a se tornar um servidor público. Por isso, nesse episódio você vai aprender 3 dicas para ter mais iniciativa e conseguir, enfim, conquistar a sua aprovação. Para tentar entender melhor onde nós podemos melhorar, evoluir, ou até mesmo eliminar crenças negativas que podem drenar as nossas energias, é fundamental mudar de postura e tomar a iniciativa de buscar a mudança que nós tanto desejamos. Porém, muitas vezes de forma inconsciente, evitamos isso o tempo todo. Afinal, quem gosta de mexer nas próprias feridas mais internas, e enfrentar os próprios dilemas?

No entanto, quando se tem iniciativa, tudo muda, você tem mais energia, e todo o ambiente ao seu redor flui para o seu sucesso a partir do momento que conseguimos dar o primeiro  passo que tanto adiamos e nos libertamos de todas as crenças e comportamentos negativos. Infelizmente, a maioria das pessoas passam toda a sua vida com a crença de que apenas a sua maneira de agir e de ver o mundo está certa. Porém, quanto mais você focalizar no que pode ser melhorado na sua vida e no seu ambiente de estudos, maior será a sua capacidade de aprender e de agir.

Faça a diferença não apenas para os seus estudos, mas, também para você em todas as áreas da sua vida.

Eu sou Pablo Amorim, o mestre dos concursos do Dicas Curtas e, semanalmente, trago aqui neste podcast, várias dicas e informações para ajudar você a ter alta performance nos estudos e conquistar a sua aprovação mais rápido em um concurso público.

Então, para que você não perca nenhuma dica e fique atualizado com todas as informações que estarei compartilhando aqui, basta assinar o podcast e acompanhar todas as semanas o mestre em concursos públicos do Dicas Curtas.

Agora, vamos para o que interessa!

 

Dica 1: Pare de procrastinar

A primeira dica do episódio de hoje é que você entenda de uma vez por todas que não é possível desenvolver o hábito de ser uma pessoa de iniciativa enquanto você continuar a deixar para amanhã o que aquilo que você deve fazer hoje (ou poderia ter feito até mesmo na semana passada). Aliás, vou pegar um pouco mais pesado: é muito difícil você alcançar qualquer nível de sucesso sem abandonar o terrível hábito de procrastinar. Isso pode parecer clichê, mas é exatamente assim que alcança o sucesso, e nós falamos muito sobre isso também nos episódios anteriores.

Então, caso você tenha perdido algum dos episódios é importante que você volte e ouça todos eles. Assim você vai absorvendo os conhecimentos necessários para ser uma pessoa consciente das suas obrigações como concurseiro.

E tem mais uma coisa: deixar de procrastinar não é simplesmente separar um tempo para resolver várias atividades urgentes de uma só vez, mas sim adquirir o hábito de ter um planejamento prévio das suas atividades de estudos e seguir o seu plano de ação. E isso vale para os estudos, para a sua saúde, para a sua vida financeira também.

Parar de procrastinar é executar as suas tarefas por ordem de prioridade, de maneira que você faça o que é importante e necessário de forma organizada tornando isso um hábito.

 

Dica 2: Pratique a iniciativa

A segunda dica de hoje é justamente como praticar a iniciativa e desenvolver o hábito de ser uma pessoa de ação. E se você parar para analisar essa série de episódios iniciais aqui no nosso podcast, você vai perceber o nosso foco é abordar o poder da ação sobre vários pontos de vista. Demonstrando as principais dificuldades dos estudantes e mostrando ações práticas para entrar em ação.

Em quase todas as situações que envolvem a nossa rotina diária, nós precisamos exercer a iniciativa. Desde uma simples melhoria na sua forma de estudar até em respeitar o horário que você reservou para estudar, você precisa estar sempre atento e a todo momento colocar em prática o hábito de agir.  Independente das milhares de desculpas que você tenha, ou que você pense que tenha, você deve agir. Ao fazer isso, não espere uma reconhecimento ou alguma recompensa imediata, seja ela de que tipo for. Simplesmente faça o que precisa ser feito, com o objetivo de concluir as suas tarefas e atingir as suas metas e faça disso um hábito.

E só depois de cumpridas as metas, comemore e se recompense. Pode ser um pequeno mimo, como um chocolate, ou assistir a um capítulo da sua série, sem exageros. Talvez você tenha dificuldades em reconhecer e até mesmo de ver os benefícios em um curto período de tempo, mas, geralmente, as grandes conquistas em nossas vidas surgem depois um certo período de dedicação e ação massiva. Dificilmente alguém é aprovado em um concurso de alto nível estudando apenas uma ou duas semanas. Normalmente os resultados começam a aparecer depois de alguns meses, e não é difícil eles chegarem após um ou dois anos de dedicação. Existem diversas atitudes que você pode incorporar à sua rotina de estudos para ter mais iniciativa.

E se eu pudesse te dizer somente uma atitude, com certeza seria para você ser uma pessoa monotarefa, ou seja, fazer uma coisa de cada vez, usando da melhor maneira o tempo que você destinou para aquela tarefa. Ou seja, se você separou 20 minutos para estudar, é para isso que esse tempo deve ser usado, nada de telefone celular, redes sociais ou WhatsApp.

Se você tem uma rotina agitada, descontrolada e multitarefa, você possivelmente tem a sensação de que tem realmente muitas coisas para fazer, e que está sempre ocupado. Mas, de fato, só é possível fazer uma tarefa a cada momento.  Experimente cozinhar e limpar a casa ao mesmo tempo, o resultado não é legal. A comida normalmente queima. Então em vez de viver com a preocupação de ter que resolver tudo ao mesmo tempo, anote tudo o que você precisa fazer, organize as tarefas por ordem de prioridade e vá executando uma de cada vez. Faça render seus 20 minutos de estudo.

Esse podcast foi produzido na época do Natal. É engraçado como a maioria das pessoas chegam a essa época dizendo que o ano passou rápido, fazendo diversas promessas para o ano que está por vir. Elas vivem com a cabeça no futuro, ansiosas pelos resultados que desejam, e corroídas por dentro, pelo fato de mais um ano ter passado e por elas não terem conquistado nada. Seu objetivo de passar em um concurso está no futuro, porém o tempo de agir é agora. É Hoje!

A chave que abre as portas para o sucesso está nas escolhas corretas e em fazer as coisas da maneira correta. Você só será aprovado em um concurso, se você estudar. Mas não é simplesmente estudar por estudar, é estudando da maneira correta, utilizando os três pilares da aprovação: Planejamento, Método de Estudo e Mindset adequado.

 

 

Dica 3: Vença o medo de mudar

Nessa terceira e última de dica de hoje, eu quero falar com você sobre vencer o medo de estudar.  Mas antes você precisa entender o conceito de medo.

O que é o medo?

O medo é visto como algo terrível. Porém, na realidade, o medo tem um significado positivo, pois ele limita as nossas ações, nos fazendo pensar e planejar antes de executá-las. Se você não tiver medo, você não tem limites. Por exemplo, imagine que você está em uma cachoeira muito alta e pula sem qualquer preocupação, mesmo sem conhecer o lugar. Você pode se machucar, pode até perder a vida. Ou então, imagine que você tem R$ 100.000,00 na sua conta para viver e está sem emprego. Se você não tiver medo de passar fome, você vai gastar todo o seu dinheiro.

O lado positivo do medo é justamente a preocupação em manter o que você já tem. Certa vez, eu estava em um encontro de amigos e um deles chegou e me convidou a dirigir a sua caminhonete, automática, com tração nas 4 rodas, um carro muito grande e muito potente. E quando eu entrei no carro, eu fiquei com muito medo, pois eu nunca tinha dirigido um carro daqueles. E por causa do medo eu dirigi devagar, só andei por ruas tranquilas. Tudo isso pelo simples fato de eu estar com medo, tanto de me envolver em um acidente e colocar a minha vida em risco ou de danificar o carro novo daquele meu amigo. Eu respeitei o medo e caminhei.

Porém o medo tem o seu lado negativo. O medo não é bom quando ele te trava, quando ele te impede de caminhar. Em relação ao concurso público, nós temos diversos tipos de medos paralisantes. Muitas pessoas deixam de estudar pelo medo da concorrência, e aí ficam preocupados com a quantidade de candidatos por vaga e perdem o foco nos estudos. Existe o caso ainda de pessoas que querem muito passar em concurso mas não estudam pelo medo de determinada matéria, por terem muita dificuldade. E a dificuldade só vai deixar de existir com dedicação adequada, e isso leva tempo.

E como vencer esse medo? Como acreditar que é possível ser aprovado? 

Independente da concorrência, ou das matérias do edital. O melhor que você tem a fazer nesse momento é se preocupar com aquilo que você pode controlar. É focar justamente no que você tem o poder de mudar. Você não controla a quantidade de inscritos no concurso que você vai prestar. Você não controla as matérias que serão cobradas na prova. Mas você controla a forma que você estuda. Você controla o seu nível de dedicação para se tornar um estudante de alta performance.

E, mais ainda, você controla as suas atitudes para superar qualquer limitação que você tenha em qualquer matéria que esteja no edital. Você pode contratar um professor particular, ou até mesmo fazer um cursinho específico, seja online ou presencial. Você pode, ainda, adquirir um material de estudo direcionado para aquela matéria específica. Assim, você executa ações que te ajudem a superar os seus medos, e que estejam no seu campo de controle. Se você tem medo de se dedicar aos estudos para concurso, talvez seja porque você ainda não está preparado para estudar adequadamente.

Então, aprenda a estudar, planeje os estudos. Lembre-se que o que o te trouxe até aqui é o que você sabe. Mas o que vai te levar além é o que você ainda não sabe, é o que você precisa aprender.

 

Resumo:

  • Nós falamos sobre a importância de ser uma pessoa de iniciativa e os efeitos negativos da procrastinação;
  • Na primeira dica nós falamos sobre a procrastinação e porque você deve ser uma pessoa de ação. Assim, você deixará de apenas sonhar e passará a buscar a realização dos seus sonhos;
  • Já na segunda dica, a nossa conversa foi sobre fazer da iniciativa um hábito, além do tempo necessário de dedicação para atingir os seus objetivos. Pois, dificilmente conquistamos os nossos objetivos da noite para o dia. Na verdade eles começam a ser concretizados no momento em que traçamos um plano de ação e começamos a agir.
  • Não esquecendo da importância de ser monotarefa, ou seja, executar uma única atividade por vez e, finalmente, organizar as suas tarefas em ordem de prioridade e executá-las nessa sequência.
  • E, para finalizar, na terceira dica, nós focamos no medo. Nós vimos os dois aspectos do medo: O seu lado positivo e o seu lado negativo. E você aprendeu como superar os seus medos para ser aprovado em um concurso público.

 

Espero que tenha gostado do episódio de hoje!

 

Curta, comente, compartilhe e deixe sua avaliação no ITunes para que este conteúdo chegue cada vez mais longe, ajudando mais e mais pessoas a serem aprovadas em um concurso público.

Caso fique com alguma dúvida, me procura lá no grupo do Mestre dos Concursos no Facebook, pois estarei à disposição para esclarecer todas elas.

Assine este podcast no seu dispositivo Apple através do aplicativo Podcast, ou no seu dispositivo Android usando o aplicativo de podcasts de sua preferência. E claro também através do Spotify e do Deezer.

Assim você irá receber uma notificação sempre que um novo episódio estiver disponível.

Conheça também nosso time de experts através do nosso site: www.dicascurtas.com.br.

Até a próxima semana!

Pin It on Pinterest

Share This