Ouça agora este podcast! “038 6 erros que você de evitar no treinamento”

Sempre é um bom momento para pensar em como evitar alguns erros de treinamento básicos, mas muito comuns na temporada. Hoje vou compartilhar com você a lista dos seis principais erros a serem evitados.

Olá pessoal, aqui é Renato Silva, O Cara da Academia do site dicascurtas.com.br e no episódio de hoje iremos falar sobre alguns erros comuns que devem ser evitados no seu treinamento. Mas antes disso gostaria de lembrar  de seguir o nosso canal no spotify ou o grupo fechado no facebook. Lá você terá acesso a várias informações e textos sobre atividade física, acesso a outros ouvintes e também poderá esclarecer suas duvidas direto comigo.

Então procure pelo Cara da Academia e solicite sua participação.

# 6: SALTAR SUA REFEIÇÃO PÓS-EXERCÍCIO

Com grande frequência, os atletas abandonam a refeição pós-treino ou pós-prova. Este é um grande erro e que pode levar a uma fase de recuperação lenta. Faça um favor a si mesmo: encontre uma bebida de recuperação que funcione bem para você e a beba nos primeiros 30 minutos cruciais após o treino. Isso fará com que você esteja no caminho certo para uma recuperação completa. Além disso, como é uma bebida, você poderá aproveitar sua “refeição” de recuperação, não importa onde você esteja.

 # 5: NÃO DESCANSAR EM SEU DIA DE DAY OFF

Eu ouço isso o tempo todo: “Eu me senti bem no meu dia de descanso, então eu simplesmente treinei!” Este tipo de abordagem de treinamento pode te causar um burnout. Os dias de descanso são importantes e devem ser considerados parte integrante da programação de treinamento de qualquer atleta. Não permitindo um descanso adequado pode afetar seu desempenho em dias de treinamento intenso.

Á medida que sua aptidão física aumenta, seus dias de descanso se tornarão menos frequentes, o que é mais uma razão para aproveitá-los quando puder.

 # 4: TREINAR ACOMPANHADO

Treinar com outros é um erro fácil de cair. Eu gosto de pensar nisso como um treinamento de co-piloto. O que pode acontecer com o treinamento de co-piloto é que você lentamente começa a mudar seu plano de treinamento pessoal para se encaixar nos dos outros, um erro que pode dificultar a sua excelência pessoal ou até mesmo ir além da aptidão daqueles ao seu redor. Ajustar seu plano com os outros não é tão ruim de vez em quando, mas se ele se transformar em um hábito semanal, é hora de fazer algumas alterações.

 # 3: TREINANDO SUAS FORÇAS

Às vezes é muito difícil treinar seus pontos fracos. Afinal, quando você sai para uma sessão de treinamento que estimula seus pontos fortes, naturalmente se sente melhor. Este é um hábito difícil de quebrar, já que seu corpo e sua mente querem fazer o que fazem melhor.

Para aproveitar ao máximo o seu treinamento, certifique-se de que está dedicando tempo suficiente à sua fraqueza. Fique longe de escolher treinos que só ressaltam seus pontos fortes. Se você sabe que precisa se tornar um melhor alpinista, marque alguns dias de escalada. A ideia é melhorar o suficiente em suas fraquezas, para que elas se tornem forças secundárias. Como um dos meus ex-treinadores costumava me dizer: “Treine suas fraquezas e corrija seus pontos fortes”.

# 2: FORMAÇÃO COM ZONAS ALVO ANTIGAS

O treinamento é um processo em constante mudança. Como tal, você deve ficar em cima de suas zonas de treinamento e fazer alterações em seus níveis de aptidão. Negligenciar a atualização de suas zonas de treinamento pode levar a um treinamento excessivo e insuficiente. Tente revisar suas zonas uma vez a cada três meses; Isso irá mantê-lo treinando nas zonas corretas para o seu nível.

# 1: ESQUECER DE SE DIVERTIR

Lembre-se de que quando você começou seu esporte. O que foi que te viciou? Para a maioria das pessoas, sua resposta incluirá a palavra “diversão”. Infelizmente, poucas pessoas usarão a mesma palavra para descrever seu treinamento atual no mesmo esporte! O treinamento nem sempre será divertido, mas com um pouco de esforço certamente pode ser prazeroso na maior parte do tempo.

Tente misturar elementos de diversão em seu treinamento sempre que possível. Isso pode tomar forma de várias maneiras. Alguns podem ter algumas estradas de terra nas quais você pode saltar durante um longo caminho; outros podem achar divertido fazer alguns exercícios de natação com a equipe da faculdade local. Tudo o que faz você sorrir durante o seu treinamento vale a pena incorporar em sua programação.

Ficar fiel à “diversão” que o atraiu ao esporte de sua escolha é crucial para sua vida como atleta. Esquecer de se divertir vai levar muitas pessoas a abandonar os esportes, e isso é uma coisa que deve ser evitada a todo custo.           

Espero que tenha gostado do episódio de hoje!

Curta, comente, compartilhe e deixe sua avaliação no ITunes para que este conteúdo chegue cada vez mais longe, ajudando mais e mais pessoas a melhorarem seus treinos.

Caso fique com alguma dúvida, me procura lá no grupo do Facebook O Cara da Academia, pois estarei à disposição para esclarecer todas elas.

Assine este podcast no seu dispositivo Apple através do aplicativo Podcast, ou no seu dispositivo Android usando o aplicativo de podcast’s de sua preferência.

E claro também através do Spotify!

Assim você irá receber uma notificação sempre que um novo episódio estiver disponível.

Conheça também nosso time de experts através do nosso site: www.dicascurtas.com.br.

Até a próxima semana!

 

 

Pin It on Pinterest

Share This