Ouça agora este podcast! “001 Cinco dicas para o seu negócio sair da crise”

Antes de saber quais as cinco dicas para seu negócio sair da crise, com base na situação atual da sua empresa responda essas perguntas:

Está difícil por causa da crise?

Seu faturamento está baixo?

Esta pensando em fechar as portas?

Se você respondeu sim para algumas dessas perguntas, você provavelmente não sabe como o Marketing Digital pode ajudar você a alavancar seus resultados e promover seu negócio a um nível superior.

Eu sou Breno Reis, expert em Marketing Digital do Dicas Curtas. e hoje vou apresentar a você que se identificou com o perfil de empresários que acabei de comentar, 5 dicas muito relevantes onde a última dica eu considero a mais importante.
São dicas que vão ajudar você, que vende um serviço ou um produto, e precisa superar a crise e principalmente “não quebrar”, como desenvolver o seu negócio utilizando as estratégias que hoje são o diferencial entre as empresas que tem resultado e a aquelas que vão a falência nos dias atuais.

Estas e outras dicas você receberá semanalmente através deste podcast e gostaríamos de contar com seus apoio deixando seu comentário, avaliando este e os demais conteúdos, sem esquecer também compartilhar esta mensagem com todos aqueles que você conhece e sabe que precisam de ajuda para superar momentos de dificuldade e de crises em seus negócios.

Então vamos lá!

A primeira dica é…

1 – Tenha uma presença digital

É inconcebível no cenário atual você abrir uma empresa e não ter uma presença digital!
Os seus clientes ou possíveis clientes estão consumindo informações e buscando soluções para seus problemas diários através da internet.

Vamos a um exemplo…

O que acontece quando você quer abrir uma loja? Você investe em locação de um espaço, reforma de acordo com a característica do produto ou serviço que vai oferecer, cria uma fachada bem atrativa, inagura seu negócio convidando amigos e familiares… e depois… fica esperando clientes entrarem em sua loja. Mas se as pessoas que passam na frente da loja não gostarem da cor, da fachada, do produto, ou simplesmente ignorarem a existência da sua loja?

Diferente do formato tradicional de lojas físicas, o cliente através do ambiente digital tem a oportunidade de conhecer sua marca, analisar sua credibilidade no mercado, perceber que o produto atende suas necessidades e até comprar sem precisar estar fisicamente em seu estabelecimento. Somente por analisar este último ponto, você já pode imaginar que poderá reduzir custos relacionados a equipe de vendas não é verdade?

Muitos negócios precisam sim ter uma loja física, mas a presença digital aumenta sua escala e permite que as pessoas encontrem sua empresa digital e fisicamente.

A segunda dica é….

2 – Redes sociais “É o Poder”:

As redes sociais vem tomando cada vez mais o tempo das pessoas.

Estive esses dias acompanhado algumas imagens na internet e uma que me chamou muita atenção foi a de uma sala de embarque de aeroporto. Neste espaço diversas pessoas aguardavam seu vôo… mas lá existia um telão, gigantesco apresentando marcas e propagandas. Grande mesmo e a maioria (para não dizer todas as pessas) estavam olhando para seus dispositivos (celulares, tablets e outros). Nenhuma delas pelo menos na imagem que eu vi, estavam olhando para a grande tela.

Com apenas esta observação já é possível concluir que sua empresa precisa estar nas redes sociais de alguma forma, mas preferencialmente naquelas em que seu público esteja.

Nessa dica precisamos ter um grande cuidado: Muitas, para não dizer milhares de empresas estão se estabelecendo exclusivamente em redes sociais. Isto é um grande risco para o negócio, uma vez que a empresa dona da rede social, tem total autonomia por todo conteúdo divulgado em sua plataforma.

Não é raro acompanharmos algumas situações onde um canal ou uma página de uma determinada rede social pode repentinamente sofrer bloqueios ou simplesmente serem exintas por motivos diversos como: comunicação indevida ou conteúdo impróprio.

Posso ainda citar casos mais extremos como o falecido “Orkut”, que teve seu grande período de ascenção, onde muitas pessoas tocavam seus negócios e vendiam seus produtos por lá, mas que com o surgimento de outras redes, acabou sendo esquecido e por fim encerrando suas atividades.

O ideal é que você tenha um local próprio, ou seja, seu site! Pois ter um site depende apenas de ter um endereço na internet (ou seja um domínio) e uma hospedagem. E caso a hospedagem não atenda as suas necessidades, você poderar migrar seu site para outro lugar praticamente sem dependência nenhuma da hospedagem antiga.

A terceira dica é…

3 – Apenas um site não é suficiente

É bom ter um alicerce e não ser impactado por mudanças como a citada anteriormente, mas ter apenas um site é igual abrir uma loja física.

Se seu cliente não te vê, ele não irá comprar de você!

Autalmente as ferramentas de buscas do Google, Bing e outras, tem evoluído cada vez mais seus mecanismos de buscas para que as melhores informações estejam sempre em primeiro lugar em seus resultados.
Isto também prejudicou diversas empresas que já possuiam sites, pois devido a baixa qualidade das informações disponíveis, os buscadores começaram a não apresentar em suas primeiras páginas os sites que não atendiam as diretrizes dos algoritmos de busca (mais conhecidos como SEO).

A grande vantagem é hoje temos recursos simples para criação de sites que já fornecem o mínimo de otimização, possibilitando que seu site esteja bem posicionado, assim como outros que possuem recursos que fornecem ferramentas de análise e de acompanhamento da evolução do ranking de suas páginas nos mecanismos de busca.

A quarta dica é…

4 – Tenha um relacionamento consistente

Não adianta ter uma mega power estrutura e não engajar pessoas.

Elas vão lembrar de você se estiver se comunicando consistentemente com elas.
Você deve provocar as pessoas a acompanharem sua trajetória em todos os canais que você estiver presente: se estiver no site, mande para o facebook; se estiver no facebook mande para o youtube; se estiver no youtube mande para o instagram e por aí vai…

Com isso você vai trazer mais atenção a sua marca e vai encontrar aqueles clientes que estão olhando apenas um canal.

Para isto é necessário que estabeleça padrões de comunicação com seu cliente, de forma a entregar valor para que ele em cada um dos canais continue seguindo você.

Mas o que é valor para seu público? São informações, artigos, dicas, técnicas, passos que podem ser executados sem muita complicação.

Isto irá gerar um sentimento de gratidão no público que estará te acompanhando, permitindo inclusive que este valor seja compartilhado por seus seguidores e futuros clientes.

Outro aspecto do relacionamento é estar atendendo prontamente a todas as necessidades deste público, agradecendo seus compartilhamentos e também curtindo seus comentários.

Resumindo: Pessoas se conectam com pessoas! Mesmo que sejam uma empresa ou uma grande corporação, interaja com o público e colha os resultados deste relacionamento.

Agora a quinta dica é…

5 – Tenha uma comunicação efetiva para vendas:

Você precisa vender e vender é o que irá garantir o sucesso do seu negócio.

Vamos a algumas perguntas:

Seu objetivo é conseguir assinantes no seu canal?

Seguidores de suas redes sociais?

Um número infinitos de curtidas em suas publicações?

A resposta é… Não!
Seu objetivo é vender mais e resolver algum problema do seu público.
Não faça publicações avulsas em busca de resultados que vão apenas alimentar seu ego, mas não vão trazer nenhum resultado efetivo pro seu negócio.

Quando se relacionar com seu público, entrege a ele de alguma forma, algo em troca de seu e-mail ou telefone de contato. E de posse desse canal de comunicação com seu cliente, aproveite a oportunidade para colocá-lo em um funil de vendas, onde você poderá filtrar todos os possíveis clientes e identificar aqueles que realmente estão prontos para em um momento específico comprar de você.

Portanto: Se vai vender você precisa se comunicar para vender.
Não adianta ficar apenas contando histórias, porque um negócio precisa vender para se manter em pé!
Em resumo as dicas deste episódio são:

  1. Tenha uma presença digital
  2. Redes sociais é o poder
  3. Apenas um site não é suficiente
  4. Tenha um relacionamento consistente
  5. Tenha uma comunicação efetiva para vendas

Espero que estas dicas sejam suficientes para que você consiga visualizar oportunidades através do ambiente digital, para ter sucesso em seus negócios.

Mas ainda quero deixar uma dica extra que ouvi recentemente de um grande nome do mercado publicitário:

“Tenha um negócio a prova do futuro!”

Quando digo a prova do futuro, quero dizer, um negócio que resista as mudanças que estão ocorrendo!

Observe o quem acontecendo no mundo da tecnologia e da inovação.

Olhe para seu negócio e tente identificar alí, o que já existe ou o que pode ser criado para subistituir aquilo que você oferece.
Uber, AirBnb, Tesla e outros marcas estão surgindo com soluções que podem extinguir seus modelos de negócio, por oferecem algo que nunca foi pensado ou por apenas reinventar produtos que já existiam.

Então, o que achou das dicas que comentei aqui?

Continue acompanhando este podcast para receber mais dicas…. entenda como seu negócio pode evoluir utilizando as estratégias de Marketing Digital e tenha sucesso nos negócios.

Deixe seu comentário, compartilhe e avalie este conteúdo e siga o Dicas Curtas nas redes sociais.

Pin It on Pinterest

Share This