Ouça agora este podcast! “046 Como a idade afeta seu desempenho?”

 

Há muitas razões para continuar a treinar e correr depois dos 40 anos, até os 50, 60 e além. A teoria de que ganhar condicionamento após 40 é uma tarefa muito maior do que em seus 20 anos pode não ser tão verdadeira quanto se pensava.            

Olá pessoal, aqui é Renato Silva, O Cara da Academia do site dicascurtas.com.br e este é o nosso episódio número 46 e nele iremos falar sobre como a idade afeta seu desempenho. Mas antes disso gostaria de te lembrar de seguir o nosso canal no spotify ou o grupo fechado no facebook. Lá você terá acesso a várias informações e textos sobre atividade física, acesso a outros ouvintes e também poderá esclarecer suas duvidas direto comigo. Então procure pelo Cara da Academia e solicite sua participação.

Claro, vai ser um pouco mais difícil, mas, como mostram os resultados da ciência e a parte prática, o seu potencial para obter ganhos como um atleta pode ser mais viável do que você imagina.

É verdade que o desempenho máximo como atleta de resistência ocorre entre 25 e 35 anos de idade – uma teoria facilmente demonstrada com resultados de qualquer competição importante. Mas o que acontece depois que nossos anos de desempenho máximo passaram? Por quanto tempo podemos manter um alto nível de condicionamento físico ou, pelo menos, continuar a ter ganhos em relação a níveis maiores de condicionamento à medida que envelhecemos?

Estudos mostram que as quedas no desempenho vão acontecer, com um declínio de aproximadamente 10% no VO2 max entre 35 e 55 anos. Mas nem todos os estudos levam em conta mudanças no estilo de vida, níveis de motivação, lesões e muitos outros fatores. Um estudo realizado em corredores com idades entre 50 e 82 anos, que continuaram a competir regularmente ao longo de um período de 10 anos, mostrou menos declínios no VO2max em comparação com seus colegas não competitivos.  Outros estudos mostram que um ligeiro declínio no VO2 max pode ser combatido pela capacidade de tamponar ácido lático ou seja, treinando, uma vantagem encontrada em corredores mais velhos. Isso poderia explicar por que muitos atletas de resistência com 40 e 50 anos ainda são competitivos com atletas na faixa dos 20 e 30 anos.

Por exemplo: o vencedor da categoria masculina de 40-44 anos na Maratona de Boston de 2012 terminou em 2:23:08, apenas 10:28 atrás do vencedor geral, fazendo dele o 15º colocado na classificação geral. Nos eventos de Ironman, os primeiros colocados das categorias 40 a 50 anos sempre ocupam regularmente os primeiros 20 a 50 colocados, entre milhares de participantes. Até mesmo o vencedor da categoria 50-54 anos do Ironman Lake Placid 2011 ficou em 47º no geral

Os resultados das corridas não são a única razão para manter um estilo de vida ativo com a idade. Manter boa saúde e boa forma física é provavelmente o objetivo mais importante a ser lembrado. Um estudo de 2011 examinou 40 atletas com idades entre 40 e 81 anos para responder à pergunta: “O que realmente acontece com nossos músculos à medida que envelhecemos se somos cronicamente ativos?” Os participantes do estudo treinaram consistentemente (cerca de quatro a cinco vezes por semana) para competições de vários esportes, como ciclismo, corrida e natação. Este estudo mostra que somos capazes de preservar tanto a massa muscular quanto a força com atividade física vitalícia. O estudo também demonstrou a retenção da força muscular à medida que envelhecemos. Os atletas estudados mostraram que as medidas de pico de torque não diminuíram até os 60-69 anos, e nenhuma diferença significativa nas medidas de pico foi observada entre os grupos de 60, 70 e 80 anos de idade. Assim, embora o pico de torque tenha apresentado um declínio em torno de 60 anos, houve pouco declínio na força com o envelhecimento após esta idade.

Em conclusão, declínios no desempenho são inevitáveis, mas a taxa de declínio pode ser muito mais lenta do que se acreditava. A quantidade crescente de pesquisas e resultados com atletas amadores continua apoiando a teoria de que todos podemos ganhar, colher grandes benefícios à saúde e manter um alto nível de condicionamento físico acima dos 40 anos. Nunca deixe que sua idade o impeça de praticar exercícios esportivos.

Espero que tenha gostado do episódio de hoje!

Curta, comente, compartilhe e deixe sua avaliação no Itunes para que este conteúdo chegue cada vez mais longe, ajudando mais e mais pessoas a melhorarem seus treinos.

Caso fique com alguma dúvidas, me procura lá no grupo do Facebook O Cara da Academia, pois estarei à disposição para esclarecer todas elas.

Assine este podcast no seu dispositivo Apple através do aplicativo podcast, ou no seu dispositivo Android usando o aplicativo de podcast´s de sua preferência.

E claro também através do Spotify!

Assim você irá receber uma notificação sempre que um novo episódio estiver disponível,

Conheça também nosso time de experts através do nosso site: www.dicascurtas.com.br

Até a próxima semana!

            

Como começar o ano motivado | O Cara da Academia

Pin It on Pinterest

Share This