Ouça agora este podcat!“027 Conteúdos otimizados com SEO”

Neste episódio vou continuar comentando sobre as técnicas de SEO. A estratégia que visa otimizar seu site e seus conteúdos, aumentando a probabilidade de serem encontrados com facilidade através do Google.

Comecei falando sobre isso no episódio de número 26, onde comentei os aspectos mais relacionados ao site e a sua estrutura com um todo.

Então caso você não tenha escutado, volta lá e anote todas as dicas para começar ainda hoje a aplicar em seu site.

Eu sou Breno Reis, o expert em Marketing Digital do Dicas Curtas e semanalmente trago aqui neste podcast, várias dicas e informações para ajudar você a alavancar suas vendas e também a conhecer um pouco mais sobre este mercado em constante evolução.

Antes de iniciarmos o episódio de hoje, quero te fazer um convite.

Venha fazer parte da comunidade de ouvintes deste podcast no Facebook.

Pesquise pelo grupo do Expert Em Marketing Digital do Dicas Curtas e solicite sua participação.

Lá você poderá fazer sugestões, tirar dúvidas e estar em contato direto comigo.

Então vamos para o que interessa!

 

Como ser interessante e útil?

Um dos maiores fatores de que influenciam diretamente o posicionamento e o desempenho dos resultados para um determinado negócio, está relacionado a qualidade dos conteúdos produzidos.

Quando os usuários reconhecem que seu conteúdo é interessante e útil, provavelmente recomendam ou compartilham este conteúdo através de blogs, redes sociais ou qualquer outro meio.

Este compartilhamento ajuda na construção da reputação do seu site e fazendo com que o Google priorize seus conteúdos. Comentei sobre isso no episódio anterior, quando falei sobre a evolução dos mecanismos de busca.

 Mas como criar um conteúdo relevante?

Entender o que relevante para o seu público alvo é muito importante na hora de definir que tipo de conteúdo você irá criar.

Mas para isso você precisa identificar o que estes usuários estão pesquisando, ou seja, quais palavras-chave eles estão utilizando ao realizar pesquisas no Google.

Antes de utilizar qualquer ferramenta, você precisa fazer uma análise comportamental básica desses usuários.

Vamos a um exemplo: se uma pessoa quer saber como fazer brigadeiros gourmet, ela pode pesquisar pela palavra-chave “brigadeiro gourmet”, mas talvez o interesse dela seja em ter uma renda-extra, então pode estar pesquisando por “renda extra com brigadeiro gourmet”.

Com o exemplo que dei agora, se eu tiver um curso on-line do nicho de doces gourmet, eu consigo um bom posicionamento e claro, realizar vendas utilizando conteúdos baseado nas pesquisas geralmente utilizadas pelo público-alvo que desejo atingir.

Existe alguma ferramenta de apoio para saber qual conteúdo produzir?

A resposta é sim!

O próprio Google hoje oferece uma ferramenta já bastante conhecida, chamada Planejador de Palavras Chaves. Com esta ferramenta você consegue pesquisar variações de determinadas palavras chaves, além de observar o volume de pesquisas realizadas para cada uma dessas palavras.

Outra forma de saber quais palavras chaves são relevantes para seu negócio é analisando o resultado da Análise de Pesquisas (o Seach Analytics), que se encontra no Google Search Console. Lá é apresentado todas as palavras-chaves que apresentaram seu site nos resultados de pesquisa, assim como quais delas levaram a maioria das pessoas para o seu site.

Vou deixar os links destas ferramentas na descrição deste episódio!

Porque escrever textos fáceis de ler?

Escrever textos fáceis de ler é uma premissa essencial para garantir que as pessoas leiam seus conteúdos.

Se já de cara seu conteúdo se apresentar “chato” e “mais do mesmo”, seus leitores sairão do seu site e provavelmente não retornarão.

Evite cometer os seguintes erros:

1.    Publicar textos medíocres com muitos erros gramaticais e ortográficos;

2.    Criar conteúdo impróprio e mal escrito;

3.    Apresentar textos incorporados em imagens que impeçam que seus textos possam ser copiados e colados (isso evitar que o Googlebot saiba o que está contido no conteúdo).

 

Criar ou não criar tópicos em seu conteúdo?

Organizar seus conteúdos em tópicos é uma excelente estratégia para ajudar seus leitores a consumir seus conteúdos.

Quando as pessoas encontrarem seus conteúdos e se depararem com tópicos bem definidos, poderão ir com facilidade direto ao ponto que mais lhe interessam, além de dar uma clareza do início e fim dos tópicos.

Imagine você visualizando um conteúdo sem tópicos, com uma grande quantidade de textos com várias informações aglomeradas em um único bloco? Não é nada agradável, não é verdade?

Porque criar conteúdos novos?

Criar constantemente novos conteúdos, ajudam a manter um público fidelizado a você, além de atrair de forma recorrente de novos visitantes.

Outra questão relacionada a criação de conteúdos exclusivos, envolve o estabelecimento da autoridade, característica essencial para quem busca posicionar-se relevante no mercado.

Mas assim como criar conteúdos novos é uma necessidade relevante, não os copiar é muito importante!

Ao copiar conteúdos existentes, você entregará pouco valor a seus usuários, e também poderá provocar uma experiência negativa quando ele se deparar com conteúdos duplicados em diferentes sites.

De toda forma, evite copiar e colar conteúdos de outros sites para que possa expressar da sua forma o conteúdo que deseja e assim causar sempre uma boa impressão.

Caso o proprietário de um determinado conteúdo identificar que foi “copiado”, ele poderá reivindicar a autoria do conteúdo ao Google, fazendo com que o seu conteúdo seja removido dos resultados de pesquisa.

Como utilizar corretamente as palavras-chave?

Outra coisa muito importante é utilizar da forma correta as palavras-chave nos seus conteúdos.

Otimizar os seus conteúdos para os mecanismos de pesquisa é importante, mas ainda mais importante é otimizá-los para seus visitantes.

Evite inserir palavras-chave de forma desnecessária e sem sentido apenas para facilitar a vida dos mecanismos de busca.

Não use de práticas fraudulentas que visam apenas conseguir boas posições em mecanismos de pesquisa.

Você sabe como utilizar da melhor forma seus link’s?

Crie sempre para cada conteúdo um link amigável, que tenha a ver com seu conteúdo e que não seja igual a nenhum outro já criado em seu site.

Outro aspecto importante é permitir que o visitante retorne ao seu site por lembrar do link, assim como recomendá-lo através das redes sociais, por exemplo.

Um ponto de extrema importância é que cada link possui uma descrição (uma meta-descrição), que geralmente é apresentada nos resultados de pesquisa.

Utilize esta descrição para conseguir atrair visitantes que fazem parte do seu público-alvo, evitando o clique de curiosos ou de pessoas que a partir do link exibido, tenham criado uma expectativa diferente do que realmente seu conteúdo se propõe a resolver.

Esta descrição precisa passar uma ideia inicial do que se trata o conteúdo, de forma breve e objetiva!

Quais cuidados preciso ter com em relação a link’s de terceiros?

Caso queira mencionar algum link em seu conteúdo, tenha ciência de que vá fazê-lo de forma consciente.

Quando inclui uma referência a outro site, automaticamente estará ajudando a reputação do site de destino.

Porém você pode evitar isto utilizando a tag “nofollow” nos links para evitar problemas como este.

Caso queira saber como utilizar a tag “nofollow”, vá lá no grupo do Facebook e deixe sua dúvida que eu responderei o mais breve possível.

Um outro problema que pode ocorrer, está relacionado a comentários em seu site.

Por diversas vezes esses conteúdos podem conter links para fazer “spam” de outros sites.

Porém existem atualmente formas de você se proteger de possíveis problemas como este.

Tem como otimizar as imagens?

Assim como os conteúdos em formato texto precisam ser otimizados, as imagens também necessitam de pequenos ajustes.

Utilize sempre nomes únicos para suas imagens e também sempre coloque uma descrição no atributo alternativo neles.

O atributo alternativo (“alt”) é apresentado sempre que sua imagem não puder ser exibida, e é utilizado quando seu site é visitado por tecnologias assistivas, como o leitor de tela, para detalhar os conteúdos contidos na imagem.

Mas e os dispositivos móveis?

Esse ponto não poderia deixar passar!

O uso dos dispositivos móveis é fundamental para manter sua presença on-line.

Existem diversos aspectos técnicos que podem ser comentados em relação a ter um site “responsivo”. Porém vou apenas ressaltar que este também é um aspecto que interfere muito no posicionamento de seus conteúdos no Google.

 Agora, como saber se esses ajustes aumentaram as visitas em um site?

Os principais mecanismos de pesquisa fornecem ferramentas que permitem você acompanhar o desempenho do seu site em mecanismo de busca.

Outro ponto importante é conseguir também identificar possíveis problemas que estão para acontecer em seu site.

Através do Search Console do Google é possível identificar quais problemas o indexador do Google está identificando em seu site, para que possa corrigi-los e conseguir melhorar seu posicionamento nos resultados da busca.

Espero que tenha gostado do episódio de hoje!

Curta, comente, compartilhe e também deixe sua avaliação no ITunes para que este conteúdo chegue cada vez mais longe, ajudando mais e mais pessoas a alavancarem seus negócios usando o marketing digital.

Caso fique com alguma dúvida, me procura lá no grupo do Expert Em Marketing Digital no Facebook, pois estarei à disposição para esclarecer todas elas.

Assine este podcast no seu dispositivo Apple através do aplicativo Podcast, ou no seu dispositivo Android usando o aplicativo de podcast’s de sua preferência.

Assim você irá receber uma notificação sempre que um novo episódio estiver disponível.

Conheça também nosso time de experts através do nosso site: www.dicascurtas.com.br.

 

Até a próxima semana!

 

Podcast do Expert Em Marketing Digital | Dicas Curtas

Pin It on Pinterest

Share This