Ouça agora este podcast! “031 Exercícios de treinamento mental para provas”

Hoje vamos falar sobre como o treinamento mental pode te ajudar em competição e treinos. Mas antes disso gostaria de te convidar a integrar o nosso grupo fechado no facebook. Lá você terá acesso a várias informações e textos sobre atividade física, acesso a outros ouvintes e também poderá esclarecer suas dúvidas. Então procure pelo Cara da Academia e solicite sua participação. 

Existem diferentes conceitos e visões sobre o treinamento mental. Vários autores entendem por treinamento mental um conceito complexo de diferentes habilidades mentais como por exemplo, estabelecimento de metas, aumento da auto-confiança, desenvolvimento da concentração, visualização e imaginação, controle da ativação e da ansiedade, rotinas mentais para a competição e etc.

O conceito que mais gosto é o que explica o treinamento mental como “a repetição planificada da imaginação consciente de uma ação de forma prática”.

O treinamento mental é dirigido para dois objetivos no esporte: para os movimentos e para as situações. Como movimentos, entende se as habilidades motoras especificas desenvolvidas nos esportes (técnicas), e como situações, as ações táticas e estratégicas esportivas inseridas dentro de um contexto especifico.

Os requisitos para o treinamento mental são: estado de relaxamento, a própria experiência, a própria perspectiva e vivência de forma profunda.

O treinamento que gostaria de destacar é por auto-observação, neste treinamento de auto observação o individuo deve se observar por meio de “olhos mentais” um filme bem definido sobre a pratica do movimento ou ações de logística que ele próprio realiza, tentando imaginar se num filme sobre a prática de um movimento ou de uma ação no esporte. Aqui o indivíduo assume o papel de espectador de si próprio, ou seja, ele se observa de uma perspectiva externa.

Para começar qualquer sessão de treinamento mental, o esportista deve ter adquirido primeiramente um estado de relaxamento, pois somente dessa forma, é possível trabalhar a 100%. A capacidade de concentração deve ser mantida.

As habilidades motoras e técnicas ou ações esportivas devem ter sido experimentadas previamente, ou seja, já devem ter sido executadas anteriormente, pois algo que nunca tenha sido executado, não pode ser treinado mentalmente.

Rotina mental para o Triathlon:

  •  Escolha a técnicas esportiva que deseja treinar mentalmente;
  •  Escreva de forma detalhada e concreta o transcurso de toda ação desportiva, e o que é necessário     para sua execução;
  •  Nos três dias seguintes durante meia hora por dia, leia e analise várias vezes o que escreveu a respeito da técnica. Procure memorizar o transcurso do movimento de forma bem intensa;
  •  Marcar de forma simbólica os pontos centrais da ação.;
  •  Atualize a situação de forma mais real possível.

         O treinamento mental é uma variável importante a ser considerada tanto para melhoria da performance atlética, quanto para a aquisição de habilidades motoras, mas que deve ser, como qualquer outro treinamento, planificado e planejado considerando, além das suas peculiaridades próprias para a sua eficiência, a individualidade biológica e a especificidade do desporto ou habilidade motora objetivados.

 

Pin It on Pinterest

Share This