Ouça agora este podcast!

“081 Harmonização Orofacial : Parte 03 – Fios de sustentação: literalmente costurando a beleza!”

Já imaginou você poder corrigir o contorno do seu rosto em questão de minutos, sem corte e sem cirurgia? Poder aumentar a espessura da sua pele suavizando aquelas ruguinhas indesejáveis, principalmente de baixo dos olhos?

Olá, aqui é Abílio Seronni, o Doutor Saúde, do Dicas Curtas e se você ficou curioso para saber qual é essa técnicas , agora eu vou revelar os poderes dos fios de sustentação biocompatíveis. Fique comigo pois está começando o terceiro episódio da série HOF – Harmonização OroFacial que estamos abordando em cada episódio uma técnica diferente e suas indicações.

Então vamos lá!

 

Depois de revelar o primeiro e segundo segredinho nos episódios anteriores da série HOF, agora chegou a vez de falar do terceiro queridinho do protocolo do Doctor Rey, o cirurgião plástico das atrizes de Holywood, em parceria com a Odontobranding que nos revelou durante o curso de imersão ministrado na Flórida e que você vai ter acesso em primeira mão, aqui no dicas curtas, comigo, o Doutor Saúde!

Inúmeras são suas indicações como: redefinir os contornos de toda a face pela técnica ”Fullface”, suavizar marcas  de expressão como as ruguinhas estáticas, aquelas que ficam quebradas quando o seu rosto está em repouso, muito comum na região de olheiras e testa; estimular colágeno para melhorar a flacidez da pele, levantar a pontinha do nariz quando este for bem acentuado para baixo, melhorar a flacidez em baixo dos braços, sabe quando você dá aquele ‘’thauzinho’’ e o braço não para de abanar o vento?, enfim, são mesmo inúmeras suas indicações. 

Agora que você conheceu as suas indicações, vou apresentar a terceira técnica para gerenciar o envelhecimento da pele com saúde e beleza – os fios de sustentação.

Antes de falar da técnica, você sabia que existem dois tipos de fios. Existem os fios permanentes, que não se degrada com o tempo, um deles é o fio Russo feito de uma substância chamado polipropileno e existem os fios absorvíveis que são os que mais usamos. Existem inúmeros no mercado feitos de diversas substâncias como os de Sutura Silhouette feitos de PLA (ácido polilático) e microcones que garantem o efeito da sustentação, temos o Filbloc feitos de PLA e Caprolactona, temos o Mint Lift feito de PDO (polidioxanona) específico para tração e temos o fio PDO propriamente dito com diversos tamanhos, nos modelos: simples lisos, espiculados, bidimensionais, tridimensionais, quadridimensionais, com dupla agulha chamado double needle, canulados com agulha fixa, canulados com agulha móvel, enfim, só crescem as opções para as diversas indicações.

 

Agora, preste atenção na técnica:

Fios de sustentação:

É uma técnica onde são colocados fios por dentro da pele, na parte subcutânea, entre a gordura e o Smas (Sistema Musculo Aponeurotico Superficial) para “levantar” aquela parte “caída” da sua pele, restabelecendo então um novo contorno facial, além de estimular a formação do colágeno, a proteína mais abundante no nosso corpo, inclusive na pele.

A medida que envelhecemos, nossa pele vai se alterando devido a perda de fibroblastos responsáveis por sintetizar colágeno e elastina, além de proteoglicanas, glicosaminoglicanas e glicoproteínas que farão parte da matriz extracelular amorfa, sendo, portanto o principal responsável pela formação das fibras e do material intercelular amorfo. As fibras de colágeno são responsáveis pela formação de fibras que dá sustentação a pele. A elastina é responsável por formar as fibras elásticas, estruturas mais resistente do nosso corpo que dão elasticidade e textura.

A glicosaminoglicana mais conhecida é o ácido hialurônico formado por ácido glucurônico e a N-acetilglicosamina, responsável pela hidratação da pele pois tem a propriedade de puxar mil vezes o peso molecular dela em água, ou seja, se você infeta 1ml, ao longo de sua degradação, ela vai puxar 1 litro de água, mantendo a pele hidratada e por fim durante o envelhecimento há uma diminuição da ativação da matriz responsável pela perfusão sanguínea que nutre as células como um todo e os fios promove ativação da matriz.

A técnica de fios se dá por implante em profundidade da pele, exceto região de pálpebra inferior, cujo o objetivo é mais de formar colágeno do que promover sustentação. São implantadas a partir de cânulas ou agulhas. Todo o procedimento é dado a partir de anestesia local, mas apesar da anestesia, o paciente pode ainda sentir ligeiro desconforto que não seja suportável. 

Vale ressaltar que os fios não substituem a cirurgia plástica, somente retarda a cirurgia pois o resultado após a utilização de fios de sustentação não é igual da cirurgia plástica chamada de lifting. No caso da cirurgia, a pele é descolada, puxada para cima, cortada e costurada em outro posicionamento. Já o fio de sustentação é colocado somente com anestesia local sem corte ou cicatriz e seu poder de tração é limitado, porém, trás resultados significantes.

Os fios de sustentação também podem ser utilizados no corpo para tratamento do umbigo triste, braços flácidos, joelhos flácidos, coxas flácidas, entre outros. A melhor indicação para a aplicação desses fios é em mulheres com flacidez moderada tanto no rosto como pescoço sem excesso de gordura no local a ser tratado. Paciente com doenças autoimunes como lúpus eritematoso, infecções no local a ser colocado, e ou com expectativa exagerada em relação ao tratamento são contraindicações para o uso desses fios. Pele muito fina ou muito grossa ou com a face obesa, também não recomendamos.

Após a colocação do fio, os mesmos são posicionados e microporados no seu trajeto. Nos dias subsequentes o paciente precisa evitar excesso de movimentação para comer e falar, além de dormir com o abdômen voltado para cima por 4-5 dias. Agente brinca que o paciente agora tem que dormir na posição de ”morto” nos próximo dias.

O melhor de todas as vantagens é que o resultado é imediato, não há necessidade de inúmeras consultas e procedimentos! Após o tracionamento a pele fica um pouco ”exprimida” mas ela se acomoda ao passar de poucos dias.  Esta técnica está sendo administrada a homens e mulheres de modo que possam criar linhas e ângulos de beleza que melhor os agradam e tem duração por cerca de 2 anos.

Os fios de sustentação podem e devem ser utilizados combinados com outros procedimentos para promover melhor resultado final, por exemplo, se você tem o ”bigode chinês” acentuado, primeiramente você trata a marca de expressão a distância, podendo usar o fio ou preenchedores como o ácido hialuronico na maça do rosto usando a técnica MD Codes, uma técnica desenvolvida pelo cirurgião plástico Mauricio de Maio cujo objetivo é aplicar nos pontos de sustentação para que diminua a quantidade de ácido hialuronico no local da ruga, trazendo um resultado mais natural. 

 

Resumindo, os fios são excelentes opções para quem quer gerenciar o envelhecimento com saúde e beleza. Técnica, rápida, segura e eficaz quando feita por profissional capacitado.

 

Para tirar dúvidas ou agendar uma avaliação o link está na descrição.

link: http://bit.ly/duvidasdoutorsaude

No próximo episódio vamos falar sobre ”Toxina botulínica” – a mágica de envelhecer sem ficar velha!

 

Espero que tenha gostado do episódio de hoje! Tem algum assunto que você gostaria de saber mais a respeito?

Ficou com alguma dúvida? Venha fazer parte da nossa comunidade no Facebook O Doutor Saúde e sanar todas elas!

Se você gostou curta, comente e compartilhe o Dicas Curtas em suas redes sociais.

Aproveite agora para assinar e acompanhar esse podcast através do seu dispositivo Apple ou Android, sendo que você também pode encontrar o O Doutor Saúde no Spotify e no Deezer.

Agora um anúncio muito importante:

Sabia que a partir de agora você também pode ajudar o Dicas Curtas a crescer ainda mais fazendo parte do grupo de “Apoiadores”?

É isso aí! Com incentivos a partir de 1 real por mês, você ajudará o Dicas Curtas a alcançar mais pessoas, incluir novos experts, e claro, ter acesso ao grupo de apoiadores no Facebook para receber conteúdos especiais e ter acesso a lives exclusivas para poder tirar suas dúvidas ao vivo com o expert de sua preferência.

Para ser um apoiador basta acessar o site: apoia.se/dicascurtas

O link vai estar disponível na descrição do episódio!

 

Ficamos por aqui. Continue acompanhando este podcast eu sou Abílio Seronni, o Doutor Saúde do Dicas Curtas.

Um abraço e até a próxima semana.

Pin It on Pinterest

Share This