Ouça agora este podcast!“044 Porque ter um treinador?”

Existem muitas razões pelas quais contratamos um treinador e muitas razões pelas quais não contratamos um. Um treinador não é para todos. Mas, se você está pronto para isso, um bom profissional pode realmente ajudá-lo. Um coach pode visar quais são seus problemas específicos e melhorar significativamente seus tempos. Alguns atletas acham que se conhecem bem o suficiente para montar seu próprio treino. Eu diria que esse atleta não está maximizando seu potencial, pois, um bom treinador pode avaliar suas habilidades e limitações e fazer sugestões sobre como melhorar ou abordá-los de uma nova maneira.

Olá pessoal, aqui é Renato Silva, O Cara da Academia do site dicascurtas.com.br e este é o nosso episódio número 44 e nele iremos falar sobre a importância de se ter um treinador. Mas, antes disso gostaria de te lembrar para seguir o nosso canal no spotify ou o grupo fechado no facebook. Lá você terá acesso a várias informações e textos sobre atividade física, acesso a outros ouvintes e também poderá esclarecer suas duvidas direto comigo. Então, procure pelo Cara da Academia e solicite sua participação.

É preciso um trabalho minucioso para encontrar o treinador certo – alguém que você gosta, respeita e que tenha o conhecimento necessário para ajudá-lo em seus objetivos. O profissional que trabalha para o seu melhor amigo pode não ser o melhor para você. Tenha isso em mente e faça sua pesquisa.

10 Dicas para hora de procurar um treinador

Para ajudar em sua busca pelo profissional certo, eu reuni uma lista de 10 coisas para procurar em um bom treinador.

 

1. Conhecimento e Credenciais

Procure um técnico com experiência e que tenha trabalhado com atletas ou alunos que você admira, gosta e viu o sucesso. Certifique-se de que o treinador tenha as habilidades certas para ajudá-lo a alcançar seus objetivos. Não ache que um atleta de sucesso é um treinador de sucesso. Seu treinador deve ter um histórico comprovado de trabalho com atletas de todas as habilidades – e especialmente alguém como você! Procure treinadores com certificações.

 

2. Comunicação

O treinador deve absolutamente ter uma política de portas abertas. Ele deve estar acessível. Você deve poder fazer perguntas por e-mail e obter respostas que não sejam resumidas, mas também detalhadas o suficiente para responder às suas perguntas. Os e-mails devem ser devolvidos dentro de um dia útil.

 

3. Interação

Como o treinador interage com seus atletas? Esta pessoa é acessível a cada atleta? É positivo e um grande modelo e mentor no esporte? Como este treinador motiva seus atletas? Certifique-se de pedir referências e pergunte aos atletas atuais como o técnico interage com eles.

 

4. Objetivos

Certifique-se de que o seu coach pergunte quais são seus objetivos e o que você deseja realizar, tanto a curto como a longo prazo. O treinador deve ser capaz de definir o plano do dia a dia para você, mas também ser capaz de ter a visão geral, criar um plano macro e ser capaz de explicar por que os treinos e provas são estruturados como eles são para alcançar seus objetivos.

 

5. Feedback

Pergunte ao treinador como ele fornecerá feedback para você em seus treinos e corridas. Progresso é o nome do jogo e, se o atleta não sentir que está progredindo, deve poder pedir feedback ao treinador sobre como mudar as coisas. Além disso, o técnico deve ser capaz de fornecer feedback sobre seus treinos e dados, dizer como conduzir as coisas quando estiver doente ou viajando e adaptar as programações rapidamente. Ele também deve ser capaz de lhe dar um feedback de treinamento específico, por exemplo, como melhorar seu tempo de natação. Algumas maneiras pelas quais um coach pode fornecer feedback são pessoalmente, via Skype, via e-mail ou através de mídias sociais como Twitter e Facebook. Eu pessoalmente recebo um e-mail toda vez que um dos meus clientes conclui um treino. A partir deste e-mail, posso avaliar o progresso do atleta e / ou abordar quaisquer problemas ou questões que surjam em cada treino.

 

6. Honestidade

Este é um truque, mas que eu acho absolutamente vital para o sucesso. É também uma das questões mais difíceis de abordar entre treinador e atleta. Ao procurar um treinador, passe algum tempo perguntando a ele sobre o quão realistas são seus objetivos e o que você precisa fazer para melhorar sua natação, ciclismo ou corrida. Você está realmente fazendo um destes serviço a si mesmo, se não contratar alguém que tenha experiência em lidar com conversas difíceis sobre o que é realista para você em relação ao progresso, resultados de corrida e metas de tempo realistas. A honestidade às vezes dói, mas é essencial para melhorar e estabelecer metas realistas.

 

7. Equilíbrio

Um bom treinador entende a vida. Eles percebem que este é um hobby para a maioria e é absolutamente crítico para manter o equilíbrio com o trabalho, família, vida social e esporte. Encontre um treinador que imite isso em sua vida e leve um estilo de vida semelhante ao seu. Se você é um pai que trabalha em tempo integral com quatro filhos, contratar alguém que tenha experiências de vida semelhantes ou trabalhe com atletas como você ajudará na compreensão do cronograma que você precisa. Um bom treinador irá ajudá-lo a resolver todos esses problemas de equilíbrio do esporte da vida diariamente!

 

8. Motivação

Um bom treinador deve ser capaz de incutir confiança no atleta em suas provas e treinos. Ele também deve ser capaz de inspirar os atletas a serem melhores e a trabalhar duro durante todos os treinos e provas. Encontre um treinador que faça você querer trabalhar duro. Alguém que te inspira!

 

9. Perceptivo

Um treinador deve ser capaz de ler cada atleta, determinar quais são seus pontos fortes, quais exercícios os ajudariam a melhorar e quais não, e criar programas que sejam individualizados para tirar o melhor proveito de você. Cada atleta é diferente. Um bom treinador reconhece isso e escreve exercícios desafiadores para cada pessoa.

 

10. Ponderável

Sim, você precisa gostar do seu treinador. Leia blogs. Honestamente, a maioria das pessoas é como seus blogs. Se você gosta de alguém em seu blog, provavelmente você vai gostar deles como treinador. Pergunte por aí. Encontre os atletas que você admira e pesquise seus treinadores. Lembre-se que um bom treinador é aquele que você gosta, não apenas como treinador, mas como pessoa.

Boa sorte !!!

 

Espero que tenha gostado do episódio de hoje!

Curta, comente, compartilhe e deixe sua avaliação no ITunes para que este conteúdo chegue cada vez mais longe, ajudando mais e mais pessoas a melhorarem seus treinos.

Caso fique com alguma dúvida, me procura lá no grupo do Facebook O Cara da Academia, pois estarei à disposição para esclarecer todas elas.

Assine este podcast no seu dispositivo Apple através do aplicativo Podcast, ou no seu dispositivo Android usando o aplicativo de podcast’s de sua preferência.

E claro também através do Spotify!

Assim você irá receber uma notificação sempre que um novo episódio estiver disponível.

Conheça também nosso time de experts através do nosso site: www.dicascurtas.com.br.

Até a próxima semana!  

 


Como começar o ano motivado | O Cara da Academia

 

Pin It on Pinterest

Share This