Ouça agora este podcast ! “001 Por quê e como investir?”

Qual o objetivo de investir e, assim, formar um patrimônio?

Muitas pessoas jamais se fizeram essa pergunta – que é uma das mais importantes da vida. Apesar de existirem diversas respostas individuais, na verdade existe apenas um motivo para se investir e constituir patrimônio: ser completamente livre.

Quando se trabalha, você, em certo modo, é escravo do seu emprego pois precisa dele para continuar a comer, morar, sair, passear, viajar, etc. – enfim, viver. À medida que começa a investir, você irá notar que parte dos seus ganhos virão de seu salário e parte de seus investimentos. Acho interessante que essa é uma forma bem atraente de se enxergar os investimentos: como um negócio aparte de seu negócio principal que te permite ganhar uma renda extra. Seria exatamente como abrir uma padaria ou uma academia de ginástica além de seu emprego principal. A maior diferença é que esse “negócio” de investir não toma tanto tempo  e tem menos riscos do que abrir e gerenciar uma empresa.

 

Quando perceber que, em determinado momento, você está ganhando mais com seus investimentos do que com o seu trabalho, você já pode se considerar, de certa forma, uma pessoa livre – já que poderia, na teoria, deixar seu trabalho e continuar a receber o suficiente para se manter.

 

Ocorre que a questão não acaba por aqui. Uma vez que temos a inflação e incertezas em relação ao que o seus investimentos poderão gerar no futuro, existe a necessidade de se acumular um patrimônio suficiente para cobrir todas as suas despesas mensais, eventualidades do futuro e a inflação. Essa conta não tem matemática certa. Relaciona-se com suas despesas mensais mais uma parcela de reinvestimento.

Exemplos 

Agora vamos dar um exemplo do que isso pode ser considerado em um caso concreto. Para que você faça suas contas, leve em consideração que, na velhice, possivelmente terá mais despesas que agora e, também, deverá pensar em taxas de rendimentos conservadoras para realizar seu planejamento.

 

Suponha que você tenha como despesas mensais aproximadamente R$6.000,00 e seu salário seja de R$8.000,00. Para se considerar alguém livre financeiramente, seus investimentos, em média, teriam que estar rendendo – sem você fazer nada – R$8.000,00.

 

Ocorre que, se você parasse de trabalhar agora, não teria mais os R$2.000,00 mensais para investir e sacaria de seus investimentos todo mês os R$6.000,00 das despesas – o que, dependendo do montante total, acabaria por diminuir mês a mês seus rendimentos. Assim, caso pensemos em investimentos que estejam rendendo aproximadamente R$12.000,00 por mês, teríamos a possibilidade de sacar a quantia necessária ao pagamento das despesas mensais (R$6000,00) e os outros R$6.000,00 seriam reinvestidos no patrimônio total para evitar sua diminuição pela inflação, conservação (muito comum em imóveis de aluguel) ou mesmo permitir saques maiores em eventualidades.

 

Para um rendimento mensal de R$12.000,00, teríamos como patrimônio total os seguintes valores e taxas: para R$1 milhão de patrimônio total, rendimentos de 1,2% ao mês; R$2 milhões, rendimentos de 0,6% ao mês; R$3 milhões, 0,4% ao mês.

 

Assim, a aposentadoria seria, independentemente da idade, o momento em que você conseguisse o dobro de suas despesas mensais como rendimento de seus investimentos. Nesse instante, você pode continuar trabalhando apenas porque gosta do que faz – ou alçar voos diferentes na direção que o seu coração mandar. Essa é a única forma de se livrar da escravidão do trabalho e garantir sua própria tranquilidade no futuro. Depender do governo ou da família na velhice é o que devemos evitar a todo custo.

 

Outros motivos para acumular patrimônio apontados pelas pessoas são: garantir a educação dos filhos, assegurar a tranquilidade da família em caso de falecimento, viajar, aproveitar a vida, consumir objetos caros e exclusivos, etc. Todas essas motivações são compatíveis e, na verdade, individualizações da motivação básica que é a liberdade financeira total.

 

Investidor Inteligente do Dicas Curtas

Pin It on Pinterest

Share This